MixTape #22 - Sobre Livros


Comprar discos e livros é uma das  atividades mais prazerosas. Já comprei livros por causa de discos que ouvi. E também tenho algumas músicas preferidas que foram inspiradas em livros. Por isso, resolvi montar essa playlist com faixas que tiveram influência de livros, escritores ou gêneros literários.




The Wonder Years - And Now I'm Nothing
Essa é a última faixa do disco Suburbia I've Given You All And Now I'm Nothing (2011), terceiro trabalho dos americanos The Wonder Years. O álbum inteiro tem influência da da literatura Beat, principalmente o autor Allen Ginsberg. O título, por exemplo, faz referência ao poema America. Além de ser citado em uma parte de And Now I'm Nothing, a introdução da faixa de abertura Came Out Swinging tem um sample do escritor lendo o poema que inspirou a banda.

Green Day - Who Wrote Holden Caulfield?
Billie Joe Armstrong, o líder do Green Day, nunca foi um dos caras mais estudiosos. Tanto que ele nunca terminou o colegial. Mas, um dos poucos livros que ele leu foi O Apanhador no Campo de Centeio (1951) de J.D. Salinger. E o personagem Holden Caulfield inspirou uma das canções de Kerplunk (1991), em que apresenta o lado mais depressivo do personagem da publicação e as sensações de ser um adolescente perdido, como os próprios integrantes da banda.

Screeching Weasel - I Wrote Holden Caulfield
Se Billie Joe quis mostrar o lado depressivo do personagem de Salinger, Ben Weasel optou por mostrar o lado agressivo de Holden Caulfield. A faixa em resposta a canção do Green Day foi lançado no disco How To Make Enemies and Irritate People (1994). Curiosamente, o baixista que gravou esse disco foi Mike Dirnt, integrante do... Green Day.

Dissonicos - Esperar
Uma das bandas nacionais que mais admiro é o Dissonicos. Influenciado por cinema e literatura; Espere Por Mim, Bandini (2006) é um dos meus discos favoritos de todos os tempos. E por conta dele, eu corri atrás para ler Espere a Primavera, Bandini (1938) de John Fante. Hoje, ele é um dos meus livros preferidos. E a letra de Esperar, resume um pouco do que sou.

Ramones - Pet Sematary
Histórias de terror foram inspirações para boa parte das canções dos Ramones. Mas, a banda recebeu um convite especial para escrever a música Pet Sematary exclusivamente para o filme Cemitério Maldito (1989) da diretora Mary Lambert. A produção é uma adaptação do livro Cemitério Maldito (1983) do autor Stephen King, um dos mais adorados pela grupo. Assim, como o quarteto é um dos artistas favoritos do escritor.

The Strokes - Soma
Na verdade, essa foi uma coincidência que só percebi quando estava pesquisando para essa lista. Soma é uma das drogas que são citadas em Admirável Mundo Novo (1932) de Aldous Huxley. Esse foi um dos livros que li nas férias da escola de 2003 para 2004. Coincidentemente, foi quando eu comprei o disco Is This It (2001) do The Strokes. O álbum tem a faixa Soma, que foi inspirada no mesmo livro que eu estava lendo naquela época.

Radiohead - Paranoid Android
Confesso que não sou grande fã do Radiohead, mas gosto de Paranoid Android. Isso é pelo simples fato da música ter sido inspirada no androide Marvin da série de livros O Guia do Mochileiro das Galáxias (1979-2009) de Douglas Adams. Eu simplesmente amo humor e os personagens desta "trilogia de cinco livros". E acho que essa é a única música famosa que faz referência essa obra.

Os Paralamas do Sucesso - Busca Vida
Quando eu era pequeno, uma tia me chamava de Pequeno Príncipe. E talvez por isso sempre quis ler o livro do Antoine de Saint-Exupéry lançado em 1943. Avança os anos, e sempre viajei bastante em Busca Vida do Paralamas do Sucesso. Mas nunca tinha associado a faixa do disco Nove Luas (1996) a história. Nem mesmo após assistir ao clipe. Bom, talvez, mesmo beirando os 30, pode ser uma ótima oportunidade para ler O Pequeno Príncipe.

Nirvana - Scentless Apprentice
In Utero (1993) é o meu disco favorito do Nirvana. Ele é cru, denso e estranhamente lindo. E uma das faixas que melhor traduz para mim o clima deste disco é Scentless Apprentice. A letra do Kurt Cobain é inspirada no livro O Perfume (1985) do alemão Patrick Süskind. Infelizmente, ainda não li o livro e nem tive a oportunidade de assistir a adaptação cinematográfica de 2006.

Metallica - For Whom The Bell Tolls
Mais uma música que eu acho incrível, que me deixou com curiosidade para ler o livro... mas nunca li. For Whom The Bell Tolls faz parte do disco Ride the Lightning (1984) e é inspirada no livro Por Que Os Sinos Dobram (1940) de Ernest Hemingway. E se a publicação for tão incrível e intensa quanto essa faixa, com certeza vai valer a pena ler.

Postagens mais visitadas deste blog

Review: Armada - Bandeira Negra

MixTape da Semana #08

MixTape da Semana #04