MixTape #26 - Bandas que conheci com Tony Hawk Pro Skater


No último dia 31 de agosto, uma das minhas franquias favoritas de games completou 18 anos: Tony Hawk's Pro Skater. Esse jogo foi responsável por moldar boa parte do meu gosto musical com trilhas sonoras cheias de punk rock, hardcore, pop punk e assim por diante. Então, a playlist desta semana são apenas com faixas que marcaram minha vida gamer.


The Vandals - Euro-Barge
Por incrível que pareça, Euro-Barge é a primeira música que lembro quando penso em Tony Hawk's Pro Skater (1999). E logo relembro da Warehouse, a primeira fase do game, e Skatepark. Gastei muitas tardes durante os fins de semana e levei muitos tombos nessas pistas.

Dead Kennedys - Police Truck
Esta é a segunda música que me faz lembrar o primeiro game da franquia. Lembro que o nome ficou guardado na minha cabeça por anos. Então, um dia entrei em uma loja de discos e vi o disco Give Me Convenience or Give Me Death (1987). Como tinha a faixa Police Truck, levei para casa.

Bad Religion - You
Tony Hawk's Pro Skater 2 (2000) provavelmente foi o game que mais joguei no PS1. E realmente foi um dos melhores jogos daquela geração. Era incrível e tinha uma trilha a altura. Lembro de ficar arrepiado e inspirado sempre que ouvia You. E talvez por isso, No Control (1989) é meu disco favorito do Bad Religion.

Millencolin - No Cigar
Que delicia era ficar andando pelas fases que faziam referência a Califórnia ouvindo Millencolin. Realmente era bem divertido e a banda sueca foi uma das minhas favoritas por muito tempo por conta disso. E para mim, Pennybridge Pioneers (2000) é uma obra prima.

Alkaline Trio - Armageddon
Fiquei uns anos sem acompanhar a franquia e só voltei a jogar com Tony Hawk's Underground (2003). Este jogo posso dizer sem medo que moldou meu gosto musical. Só nesta playlist tem quatro bandas que conheci com ele. Até hoje, sempre que escuto From Here to Infirmary (2001), eu lembro o quanto me empolguei ouvindo Armageddon.

Refused - New Noise
Esta é sem dúvida a minha faixa favorita do Tony Hawk's Underground. Ela combina bem com o game que é intenso, desafiador e tem um storytelling invejável. E eu nem tinha noção na época como Refused e a própria New Noise revolucionou tanto o meio hardcore junto com o disco The Shape of Punk to Come (1998).

Bracket - 2rak005
Bracket é uma das bandas que mais curti na minha vida e a culpa é de 2rak005. Acho uma música fantástica e sempre dava um jeito de colocar ela durante as competições que aconteciam dentro do game. Ela não é um skate punk, mas tem um andamento tão gostoso que tenho um carinho por ela que nem sei explicar.

The Adicts - Viva La Revolution
Posso estar errado, mas acredito que primeiro conheci The Adicts apenas pela música no Tony Hawk's Underground. Depois fui pesquisar sobre a banda e me apaixonei pela proposta influenciada por Laranja Mecânica. Nem sei explicar o quanto eu gosto deles e como sou fascinado pelas guitarras Viva La Revolution.

Sham 69 - Borstal Breakout
Mais alguns anos longe da série e lembro de acordar cedo aos domingos apenas para ter mais tempo de jogar Tony Hawk's American Wasteland (2005). Ele ainda tinha o jeito incrível do Underground e o mesmo nível de qualidade da trilha sonora. A que mais me marcou mais foi Borstal Breakout do Sham 69 por conta da sua assustadora abertura. Talvez o meu primeiro contato com o Oi! Punk.

Dag Nasty - Circles
Tony Hawk's Proving Ground (2007) é de longe o meu game favorito de toda a série. Entretanto, se não fosse título, eu iria demorar um bom tempo para conhecer o Dag Nasty e me apaixonar pela obra prima que Can I Say (1986). Realmente, nem lembro direito do game, mas nunca mais vou esquecer essa canção.

Postagens mais visitadas deste blog

Review: Armada - Bandeira Negra

MixTape da Semana #08

MixTape da Semana #04